quarta-feira, agosto 05, 2009

EXPOSIÇÃO: UMA INFINIDADE DE TIPOS

Ao amigo Tobias


Exposição é sinônimo de: Shows, preços, gente, garrafas, barracas, petiscos, bovinos, equinos, equinos bêbados, engarrafamento e até mesmo...Inflação!
Isto mesmo! Inflação.
As 23:30 de sexta comecei a saga.
Pisões, cotoveladas e pedidos de desculpas, só pra adquirir uma latinha de cerveja.
-R$ 2,50! Avisou o vendedor.
Comprei e saí contente, visto que não sofri danos em minha integridade física ao passar pelo emanharado humano.
Uma hora e meia depois, tomo coragem e desafio a física novamente ( ocupando o mesmo lugar com dezenas de pessoas ) ao percorrer o caminho de volta a barraca.
-R$ 3,00!!!
-R$ 3,00 a cerveja? Como assim?
-É, o preço sofreu alteração!
Pois é, em menos de duas horas o valor da latinha de cerveja havia inflacionado.Segundo o Data Duvier houve um acréscimo de 20% sobre o produto.Ser um economista instantâneo não foi a única surpresa agradável.
Voltando da barraca fui escoiceado por uma garota, que empolgada com o clima agitado da festa, de costas, me acertou o joelho com sua bota de salto fino, numa dança típica de peoa alucinada.
Na realidade, levei uma Expo-rada!
E os bêbados? Ahh...Tipos clássicos.
Conversam num idioma mais complexo que o Santanês ( idioma criado por Joel Santana, técnico da África do Sul ) e nos deixam encabulados por não entendê los.
Aliás, para se compreender um bêbado só mesmo outro bêbado. E este deve transcrever o que o outro dita.
Os profissionais que estudam a origem dos povos e seus idiomas podem usá los como parâmetros de estudo, uma vez que a cada porre falam um idioma diferente.
Comparecem aos eventos sempre embriagados – uma exigência deles próprios, ou seja, são considerados profissionais na área, não cabendo a leigos repetir o mesmo em casa.
Possuem até registro no CRB – Conselho Regional de Bebuns.
E os fortões?
As poses e os braços abertos como quem sofre de assaduras, são marcas registradas dos galãs suplementados.
O método aplicado no bote às vítimas seria eficaz caso soubessem que perspicácia, não é um subproduto da Pepsi como imaginavam. Assim como a Fanta é para Coca.
Ahhh... Pensou que havia esquecido do evento mais importante do ano na cidade?
-Não! Não me esqueci do ENGARRAFAMENTO MONSTRUOSO!
Pessoas saíam do carro para registrar em foto o momento histórico.
O congestionamento tomou toda a marginal sentido centro – estádio, provocando não a ira, mas a felicidade ( fotos ) de muitos condutores pela imobilidade inédita na via expressa.
E registro aqui uma sugestão para a prefeitura: Viabilizar um Rodoanel, interligando os dois extremos da cidade.
Mesmo 0800, a Expo foi muito boa!
Pois até o Biquíni Cavadão sabe agora, onde fica a Rua Carlos Coelho em Carangola.
Agradeço o comentário do vocalista, o Bruno, em seu site. Sobre o guitarrista, o Carlos Coelho, exijo isenção total sobre meu IPTU. Uma vez que resido em rua com mesmo nome.
Sem mais para o momento,
Obrigado.

Um comentário:

danuza disse...

Fico passada com sua imaginação. rsss...Por que vc não escreve um livro? Vc tem assunto,pode ter certeza. Fui...